sexta-feira, 31 de agosto de 2007

Afefé

Roque Ferreira


Foi o vento de lá

foi de lá que chegou

foi o vento de Iansã, dominador

que dormia nos braços da manhã

e despertou


Mestre Chico jangadeiro

depois de olhar pro céu

guardou a rede de arrasto

não foi pescar xaréu

mercador que foi pra feira

não encontrou freguesia

e naõ teve capoeira

que mostrasse valentia


Lia que nunca rezava

foi rezar naquele dia

o querer por quem chorava

voltou pra sua companhia

a barra de mar fechava

mas a flor do amor se abria

Lia foi sambar só

foi sambar só

Lia foi sambar só

na ventania
Salve salve esse grande compositor do Recôncavo Baiano!

Um comentário:

Cinara Lisboa disse...

Salve o samba!
Estive no fds passado no Show da Teresa Cristina e o Grupo Semente...muito bom Aline...se vc não conhece faço questão de gravar o cd pra ti...é samba de 1ª qualidade! Gostei da música...mesmo sem ouvir o ritmo!

Abraços e divulga a sua agenda viu!

Abraços,

Ahhh bailarina atualizado...passa por lá!